Gincana arrecada mais de uma tonelada e meia de alimentos

1Equipe vencedora, juntamente com o comitê organizador, da esquerda para direita Laudenir Santos, Edson Monteiro, Marcio Menezes, Willians Baptista, Carine Ehrhardt, Gisela Cheiram, Marcelo Souza, Jeferson Ramiro, Yngryt Lemes, Andréia Lima, Izabelle Salaverry, Valdeni Girotto e Candido Martins.

 

Todos os anos, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho (SIPAT) tem por objetivo realizar atividades que alertem os funcionários de empresas para a prevenção de acidentes, saúde e segurança no local de trabalho. Isto tudo ocorre dentro das empresas. No entanto, neste ano, a KLL Equipamentos para Transporte, localizada no Distrito Industrial, conseguiu levar esta semana para fora da empresa.

Tudo porque o comitê da SIPAT, formado por 05 membros de diferentes áreas da empresa, montou um cronograma de atividades que iniciou no dia 08 e encerrou no dia 12 deste mês. “A gente fez durante toda a semana atividades da gincana, palestras, minicursos de extintores e outras ações”, conta a analista de recursos humanos, Yngryt Barbosa Lemes.

Conforme o presidente da CIPA e supervisor de manutenção da empresa, Candido Roberto de Souza, uma das tarefas com maior disputa foi a arrecadação de alimentos. No total, foram arrecadados 1592 kg. “A coisa se tornou monstruosa, tanto que a ideia que tínhamos era de beneficiar uma entidade, mas, agora, chegamos à conclusão de que poderemos auxiliar quatro entidades”, explica.

Após avaliação dos membros da CIPA, foi definido que o Projeto Lar Restaurar, a Paróquia Santo Antônio, a Sociedade Espírita Irmãos de Caridade e o Residencial Terapêutico São Jerônimo seriam as beneficiadas. Destas entidades, apenas a última é de Viamão, enquanto todas as outras são localizadas em Alvorada, cidade que abriga a empresa.

A analista ambiental, Izabelle Salaverry, lembra que o mais legal foi que, apesar da gincana ter tido este espírito de competição, os participantes chegaram à conclusão que quem estava sendo beneficiado com tudo aquilo que estava acontecendo seriam as pessoas que receberiam os alimentos.

Fonte: Jornal A Semana